LA BAJA 120

Uma 'Baja' é - no espectro do automobilismo de competição - um evento off-road de rallies todo-o-terreno, com a particularidade do percurso total ter uma extensão inferior ao dos Rallies de longas distâncias (como o célebre Rali Dakar). A palavra espanhola 'baja' significa precisamente 'curto'. Os caminhos de terra do Alto Alentejo, mais concretamente a Oeste da Serra de São Mamede, são os terrenos de uma das 'Bajas' mais consagradas no mundo: a 'Baja Portalegre 500'. Também se realiza nas imediações da vila de Fronteira as '24 Horas TT' - uma das provas mais carismáticas de todo-o-terreno de resistência em Portugal. É nestes territórios, habitualmente percorridos pelos pesos pesados do desporto motorizado, que se encontra a rota 'La Baja 120'. A distância não é comparável ao destas provas motorizadas, mas somos nós graveleiro/as que sentimos, verdadeiramente, a poeira na cara, que saboreamos a terra e que enterramos as pernas na lama. Para além disso, não perturbamos os passarinhos, nem queimamos combustível. A rota/desafio 'La Baja 120'' está classificada com o grau de dificuldade: TROPOSFÉRICO (1/5), mas não é pêra doce.

ABASTECIMENTO

  • KM 67/121 (55/100%) | Vila: Fronteira | Café (junto à rotunda da Estrada da Estação)
  • KM 80/121 (66/100%) | Localidade: Cabeço de Vide | Cafés

PONTOS DE ALERTA

  • KM 96-102 | Tráfego rodoviário rápido no IC3;
  • KM 00-121 | Rota afetada pela realização da 'Baja Portalegre 500' - de 27 a 30 Outubro.

O balanço entre o on-road e o off-road na rota 'La Baja 120' é equilibrado. Se ainda estás apegado ao alcatrão e estás em transição para a 'gravilha', esta rota foi feita para ti. É fácil fazer contas aos sectores 'gravel'. Ignorando os pequenos troços antes de Fronteira, temos cinco grandes sectores 'gravel' ao longo da rota. (1) O da reserva do Cabeção que realmente está bastante careca nos primeiros quilómetros. (2) o da Albufeira do Maranhão que é o mais veloz. (3) O da Ecopista 'Fronteira - Cabeço de Vide'. (4) O de Cabeço de Vide/Vaiamonte que é definitivamente o mais belo. (5) E finalmente o do estradão 'Estação de Portalegre - Alter do Chão' que é a desilusão da rota, embora a superfície melhore bastante na segunda metade.  A rota/desafio 'La Baja 120' tem como ponto de partida e chegada a vila histórica alentejana de Alter do Chão. Está localizada a menos de 10 quilómetros da estação ferroviária do Crato que integra a Linha do Leste (viagem de hora e meia desde a estação do Entroncamento). A vila de Fronteira também é um ponto recomendado de arranque e chegada desta aventura em terras remotas e despovoadas do Alto Alentejo. (.gpx)

RIDERTEMPOPONTOS
043JA05:11:0311
051AP05:11:5811
065MB05:16:3811
042JP05:17:476
033LR05:28:546
060RC05:31:004
098SR06:23:294
023DP06:26:002
035AR07:11:582