LOBO SOLITÁRIO

A rota/desafio 'LOBO SOLITÁRIO'' está localizada num dos 'pulmões' nacionais: a Serra do Gerês. Não obstante, o mundo encantado das cascatas, fauna e flora destas montanhas, apanhámos boleia para algumas serras minhotas que se encontram nas imediações. É aqui que encontram os fantásticos estradões florestais utilizados no World Rally Championship. Aqui entre nós, que ninguém nos ouve: 'queimadores de combustível' a altas velocidades, em locais com tal sensibilidade ecológica, destoam completamente da paisagem. Chegou a hora das bicicletas se estabelecerem na região. Seja em modo 'lobo solitário' ou com a tua alcateia, esta aventura pelo Gerês e arredores tem tudo para ser marcante e memorável. Para tal e para que tudo fique registado, nada melhor que incluíres a tua 'máquina' nas fotos ao fazeres magia com o UNvisible da UNlost - o nosso parceiro para este desafio. A rota 'LOBO SOLITÁRIO'' está classificada com um grau de dificuldade TERMOSFÉRICO (4/5).

ABASTECIMENTO

  • KM 42/83 (51/100%) | Aldeia: Campos | Café
  • KM 47/83 (57/100%) | Aldeia: Ruivães | Café
  • KM 54/83 (65/100%) | Aldeia: Salamonde | Café

PONTOS DE ALERTA (!)

  • KM 00-02 | Possibilidade de tráfego automóvel intenso na N304;
  • KM 05-40 | Troços utilizados no Rally de Portugal (19 a 22 de Maio) e outros veículos TT;
  • KM 60-70 | Turistas desorientados à procura de cascatas;
  • KM 76-80 | Possibilidade de alguns veículos a circular no último sector 'gravel'.

A mensagem sobre os sectores 'gravel' da rota é muito fácil de transmitir, pois são apenas dois ao longo dos mais de 80 quilómetros e aproximadamente 2.000 metros de ganho de elevação do desafio. No entanto, importa assinalar que o sector das serras minhotas tem praticamente 35 quilómetros de extensão - com breves e residuais interrupções em alcatrão, que não são suficientes para o desmembrar. É por estes lados que também encontrarás os enquadramentos paisagísticos mais fantásticos para a Serra do Gerês, mas também para a própria região do Minho. O outro sector - em redor da Albufeira do Gerês - é o capítulo final perfeito desta aventura. Os troços pavimentados correspondem basicamente às maiores subidas e descidas da rota. O que significa que os sectores 'gravel' se encontram precisamente nos pontos menos acidentados - o que não significa que seja uma pasmaceira orográfica (na verdade, muito pelo contrário). A rota/desafio 'LOBO SOLITÁRIO' tem ponto de partida e chegada nas imediações da Albufeira do Gerês - abastecida pelas águas do Rio Cávado - ponto de turismo e lazer náutico rodeado pelas montanhas da Serra do Gerês e do Minho.

RIDERTEMPOPONTOS
016CA06:57:2124

'LOBO SOLITÁRIO' PARTNER: